Esperança e Significado – O fórum humanista europeu, Madrid 2018

Um lugar onde se podia encontrar pessoas tão diferentes como – Baltasar Garzón, juiz que trabalhou sem descanso para extraditar Pinochet quando estava debaixo da proteção de Margaret Thatcher, para processá-lo por conta do genocídio que o ditador promoveu no Chile. Ou Nicole Ndongala, ativista em prol dos refugiados, que é espanhola e congolesa, defensora dos direitos humanos dos imigrantes. Guilhermo Sullings, economista argentino, que trabalha nos passos para atingir a Nação Humana Universal. Carlos Umaña médico contra as armas nucleares, responsável pelo departamento da Costa Rica da Campanha Internacional para Abolir as Armas Nucleares (ICAN, na sigla em inglês). Piero P. Giorgi, ativista pela paz e neurocientista neozelandês.  Riccardo Petrella, cientista político italiano e economista na Bélgica. Também a humanista Sabine Rubin, deputada da Assembleia Nacional Francesa pela França insubmissa. Clara Gomez Placito, antropóloga social e ativista da Convergência das culturas. Marianella Kloka, editora da Pressenza em Atenas (Grécia). Mayte Quintanilla, de Madrid, Humanista pela Renda Básica Universal.

E estes são os oradores da abertura? (more…)

Pía Figueroa: Algo novo está acontecendo

Pía Figueroa é uma das participantes do Fórum Humanista Europeu, que foi celebrado recentemente em Madrid, como uma das oradoras da mesa “Jornalismo Independente e Ativismo Social”. Pía é co-diretora da Agência Internacional de notícias Pressenza, dedicada a notícias sobre a paz e a não violência. Humanista de larga trajetória e autora de diversas monografias e livros.

Qual é a sua impressão do Fórum Humanista Europeu? (more…)

Construindo uma massa de mídias frente à mídia de massas

Aforismo

“Se eles têm as mídias de massas, nós vamos construir uma massa de mídias
Se eles têm armas, nós temos câmeras
se eles têm os bancos, nós temos uns aos outros”

Entrevistamos um dos participantes do Fórum Humanista Europeu, um dos organizadores da mesa “meios de comunicação independentes e movimentos sociais”, Gunther Aleksander, que é filósofo, humanista e ativista. Graduado em Comunicação Audiovisual e pós graduado em Filosofia Política. Editor da Agência Pressenza no Brasil e produtor do canal QuatroV – 4V. (more…)

Declaração final – V Fórum Humanista Europeu

Estimados amigos e amigas, encontrámo-nos aqui em Madrid, nos dias 11 a 13 de maio de 2018, num momento de extrema preocupação, tanto pela situação social em que a violência cresce e a vida se torna mais difícil cada dia que passa, como pela situação interna dos seres humanos. A falta de sentido e a falta de fé na possibilidade de mudança do estado das coisas leva à desesperança, à intolerância, ao niilismo, à violência interna e ao suicídio, em muitos casos.

Porém, diante desta situação, comprovámos neste fórum que se está a construir outra realidade em paralelo, que o discurso “oficial” esconde: pudemos ver exemplos, amostras, dessa Nação Humana Universal, que não está apenas no futuro, mas que já hoje se está a tornar realidade e que pudemos sentir entre nós nestes dias. (more…)

Jornada de Abertura do Fórum Humanista Europeu 2018

Realizou-se hoje a sessão de abertura do V Fórum Humanista Europeu de 2018. Aconteceu no auditório da Faculdade de Ciências da Educação da UNED, com a presença de pessoas e organizações de 40 países, muitos deles europeus mas também asiáticos, africanos e americanos.

O Fórum começou de forma poética com as palavras que Guillermo Sullings escreveu em seu agradecimento ao processo humano em seu livro “Crossroads and future of the human. Os passos em direção à nação humana universal “, e que queremos resgatar agora: (more…)

Declaração final – V Fórum Humanista Europeu

Estimados amigos e amigas, encontrámo-nos aqui em Madrid, nos dias 11 a 13 de maio de 2018, num momento de extrema preocupação, tanto pela situação social em que a violência cresce e a vida se torna mais difícil cada dia que passa, como pela situação interna dos seres humanos. A falta de sentido e a falta de fé na possibilidade de mudança do estado das coisas leva à desesperança, à intolerância, ao niilismo, à violência interna e ao suicídio, em muitos casos.

Porém, diante desta situação, comprovámos neste fórum que se está a construir outra realidade em paralelo, que o discurso “oficial” esconde: pudemos ver exemplos, amostras, dessa Nação Humana Universal, que não está apenas no futuro, mas que já hoje se está a tornar realidade e que pudemos sentir entre nós nestes dias. (more…)

Estreia mundial do documentário RBUI, o nosso direito a viver” em #EHF2018

No dia 12 de maio, às 12h, acontecerá a estreia mundial do documentário sobre o rendimento básico universal e incondicional “RBUI, o nosso direito a viver”, no Fórum Humanista Europeu, integrado na área temática “Uma Nova Economia para a Nação Humana Universal

Estará presente o realizador Álvaro Orús e alguns dos protagonistas espanhóis, tais como Julen Bollain ou Mayte Quintanilla.

(more…)

O nosso convite para ti

¿Quem somos?

O Fórum Humanista Europeu 2018 está a ser organizado pelos humanistas – indivíduos, grupos e organizações. Somos otimistas que acreditamos na liberdade de pensamento e expressão, no progresso social, na democracia real e a não-violência. Olhamos para um futuro diferente, enquanto nos esforçamos por superar a atual crise geral.

Como internacionalistas, aspiramos a uma Nação Humana Universal. Entendendo o mundo como um todo, atuamos no nosso meio imediato. Não procuramos um mundo uniforme, mas sim um mundo de multiplicidade: diverso nas culturas e costumes; na autonomia local e regional; em crenças, tanto ateias como religiosas. (more…)